terça-feira, 20 de outubro de 2015

EU ADORO A CRISE




Enquanto isso, naquele programa de TV

- Estamos aqui mais uma vez com nosso programa RAIO X, para entrevistar o sociólogo e economista, Dr Pangloss, que está lançando o livro " EU ADORO A CRISE". Obrigado pela sua presença, viu Dr. PanglosS?
- Eu é que agradeço pela oportunidade.
- Mas você está na contramão de todos os seus colegas economistas e analistas. Em que você se inspirou para escrever esse livro " EU ADORO A CRISE?
- São diversos os benefícios da crise. Pra começar, vou citar um deles. A crise é excelente para o meio ambiente. Menos consumo de combustível, menos queima de CO2, menos demanda, menos consumo, menos lixo.
- Mas...e fora esse benefício?
- Peraí...menos consumo de água e eletricidade. Também ajuda as pessoas a melhorar a economia doméstica, na medida em que passam a economizar para aliviar o bolso, Se você gasta menos água, se poupa nos banhos, se para de lavar a calçada pra não ter um enfarto quanto chega a conga, já será um ganho para os nossos reservatórios.
- OK. Mas e o desemprego? O Sr sabia que já temos 20 milhões de pessoas que perderam seus empregos no Brasil?
- Mas isso é muito bom.
- Mas peraí, Dr. Panglóss. O se está extrapolando agora.
- Não estou e provo. Muitas dessas pessoas que saem dos seus empregos começam a empreender, daí nascem novas empresas, novos prestadores de serviços competitivos que conquistam sua autonomia. A maioria dos brasileira é boa em sobreviver.
- Mas meu amigo. Nada tá vendendo. Veja a fábricas de automóveis. Os pátios cheios de carros zero e ninguém comprando.
- Muito bom
- Mas como assim...muito bom?
- O dinheiro não acaba, meu amigo. Ele muda de mãos. O que está acontecendo estimula o mercado de carros usados e oficinas de reparos. Além do mais, força as montadores a rever seus preços. Sabia que temos os automóveis mais caros do planeta? 
- Mas e os supermercados? Já começam a faltar produtos nas gôndolas.
- Muito bom. Vai estimular as pessoas a plantar sua hortinha no quintal, criar suas galinhas, investir em hortas comunitárias. Uma dieta mais saudável.
- Puxa, Dr. Panglóss. Muito interessante a sua abordagem, levando-se em conta que as pessoas andam muito pessimistas com o cenário econômico e político. 
- Pois é. Eu me recuso a ver o copo vazio. Precisamos agradecer a todo momento pela glória da vida.
- Bom Dr Panglóss. O Raio x vai ficando por aqui. Agradece pela sua entrevista e esperamos que em breve o sr retorne aqui para nos trazer mais um pouco de positividade.
- Será sempre um prazer.
- Só me diga uma coisa. O sr diz que é sociólogo e economista que nem FHC né? O senhor estudou fora também?
- Sim. 
- Estudou na França também?
- Não. Formei-me em Havana e fiz pós em Caracas.
- Ah tá...

Nenhum comentário:

Postar um comentário