sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

A 381 MAL ASSOMBRADA...

O Repórter estava na BR 381 retornando de férias quando um acidente horrível aconteceu logo à sua frente.  Mais um segundo e ele também teria sido atingido pela carreta que havia feito um L e atingido um Corola que vinha na direção cntrária. Como estava com seu celular com máquina fotográfica de última geração, desceu do carro com duas ideias em mente: ver se poderia ajudar os acidentados e tirar algumas fotografias.  Ao chegar perto do veículo, percebeu que nada poderia fazer. O carro tinha virado uma massa de ferro retorcido. Havia sangue pra todo lado e nem conseguiu fotografar nada. Tentou abrir uma porta, mas estava travada. No banco de trás, talvez alguém tivesse escapado. De repente ele ouviu uma voz...vindo de dentro do carro. A mulher sentada no banco da frente estava muito machucada, mas tentava balbuciar algumas palavras.

- Minha senhora. Mantenha a tranquilidade. O socorro já deve estar a caminho.
- Foi um demônio...
- Minha senhora. Fique calma...tente não falar nada. A senhora consegue se mexer?
- Foi um demônio...
- Minha senhora. Tente se manter calma. O socorro já está chegando.

Enquanto isso, o moço do caminhão que parecia não ter sofrido nada, desceu de seu veículo e veio 
ver se podia ajudar. 

- Eu já liguei para a Polícia Rodoviária. Já estão mandando um socorro.
- Mas o que causou o acidente? O que lhe aconteceu?
- Eu vinha na minha faixa...normal...de repente vi ao longe uma pessoa no meio da estrada. Fui freiando e não sei o que aconteceu...perdi os sentidos. Acordei com o impacto com o carro.
- Engraçado...a moça me falou algo sem sentido.
- O que ela falou?
- Falou de um demônio.
- Cruz credo. Arrepiei todo.  E essa mulher? Será que ela ainda está consciente?
- Acho que ela acabou de falecer. Tava muito machucada, sangrando muito.
- Veja lá. O Sevor tá chegando. Os bombeiros também...quem sabe não tem mais sobreviventes?
- Acho que não. Mas essa fala da mulher me deixou encucado. E você também viu esse vulto...

NISSO CHEGOU UM POLICIAL...

- Bom dia. Você é o caminhoneiro envolvido no acidente?
- Sim.
- E como aconteceu?
- Eu vinha numa velocidade normal quando apareceu uma pessoa parada no meio da estrada. Eu fui freando devagar, mas perdi os sentidos. Acordei com o impacto do carro que bateu no caminhão.
- Certo. E você, meu amigo. Estava logo atrás do carro que bateu. O que testemunhou?
- Confirmo o que o amigo motorista falou. A carreta abriu em L e o carro que vinha na contramão bateu de frente. Parei o carro logo atrás e desci pra ver se conseguia salvar alguém.
- Positivo.
- Um das pessoas no Corola ainda disse algumas palavras...que achei muito estranhas.
- O que ela disse?
- Que foi um demônio...
- Credo...já é a 5ª pessoa que nos conta uma história parecida.
- Sério?
- Sim. Vários já viram essa figura na estrada e dormiram ao volante logo após provocando graves acidentes.
- E vcs imaginam o que pode ser isso?
- Um antigo morador nos contou uma história. Dizem que na época da construção da BR havia uma família que morava exatamente num ponto onde a rodovia deveria ser construída. Essa família não quis vender suas terras e segundo nos informou esse antigo morador, foram perseguidos e assassinados. Segundo esse ancião,  esses fantasmas continuam assombrando a BR e se vingando dos usuários, levando muitos mais cedo para o além.
- Mas vocês levam isso a sério?
- A gente tem medo, né?. Mas nossos superiores acham que é superstição. Não querem nem que falemos no assunto para não trazermos publicidade negativa.  E por favor, não digam que falei isso pra vocês, pois corro o risco de perder o emprego.
- Nenhum sobrevivente mesmo né?
- Infelizmente, não.
- Não vamos tapar o sol com a peneira. O governo tem culpa.
- Por que?
- Se a 381 já estivesse duplicada não teríamos um acidente como esse com batida frontal.
- Pode até ser. Porém estamos  precisando mesmo é de exorcismo...mas como ninguém leva isso a sério, as mortes vão continuar...



Nenhum comentário:

Postar um comentário