sexta-feira, 22 de agosto de 2014

MODA QUE DEVERIA PEGAR...

Enquanto isso naquela madrugada
- E aí? Tudo conferido?
- Tudo em cima. Claro. Estão aqui as roupas pretas, os capus, luvas,capacetes, botas. Tudo.
- Ótimo. Vamos trocar de roupa então. E as motos? Fez as alterações?
- Sim. Pode ficar tranquilo. Ninguém vai conseguir ver as placas.
- Ok. E a tinta? Tudo em cima?
- Sim. Pode ficar tranquilo.
- E passou aquele email para o pessoal do site?
- Sim. Fiz como você pediu. Dei uma pista falsa. Eles chegarão no local algumas horas depois de completarmos o trabalho. Quando chegarem já estaremos longe.
- Ótimo. Já mapeou todos os cartazes e outdoor que iremos modificar?
- Claro. Vamos sair então? Faltam 15 minutos para começarmos a ação.
- Então vamos...

Os dois amigos saíram em suas motos pela cidade. Eram artistas plásticos e queriam alertar para a feiura que ficava a cidade com as propagandas políticas. Saíram adulterando cartazes e propagandas em locais públicos. Fizeram tudo muito bem planejado. A cidade estava completamente deserta naquela madrugada de terça-feira. Fazia um frio de 6 graus. Depois de 3 horas de trabalho, chegarem em casa. A primeira coisa que fizeram foi queimar todas as roupas utilizadas. Colocaram também as placas originais nas motos e foram para suas casas. 
Algum tempo depois chegou a equipe do site fotografando tudo e disponibilizando no instagram e facebook. Na verdade o que fizeram foi desmascarar os slogans quase sempre mentirosos, peças publicitárias feitas para seduzir, para iludir os eleitores. Por exemplo, havia um político que usou a frase : "Esse trabalha"! . Eles completaram - Essa trabalha...pra ser eleito...depois nos abandonará". Um outro escreveu: "Ouvir pra fazer melhor". Eles completaram... deveria ser: fazer melhor pra ouvir aplausos e aprovação do povo. Outro tinha a seguinte frase: "Esse trabalha". Eles inseriram: Esse trabalha...pra nos roubar.  Outro utilizava: "Compromisso que se renova". Eles mudaram: "Coronel que não larga o osso". Outro que mudaram. "A Política tem jeito". Eles mudaram para "Os políticos não tem jeito". A turma do site estava excitada, pois sabiam que tinham um material explosivo nas mãos.
- Caramba. Eles trabalharam rápido. Todos os cartazes e outdoors  adulterados. Não pouparam ninguém.
- Nossa. Já tá bombando na net. Rápido. Fotografe mais
- Claro, já estou fotografando. Vai dar o que falar.
- Mas me diga uma coisa. Quem te falou que ia rolar isso?
- Recebi uma mensagem anônima só dizendo que ia rolar algo extraordinário na cidade de madrugada, que era pra guardar segredo, que era apenas para ficarmos atentos e fotografarmos antes que tirassem do ar. Vamos rápido.
- Legal. Vamos fotografar o resto. Tem cartazes sacaneados pra todo lado.
- Beleza. Enquanto isso já vou postando através do Smartphone mesmo.
- Faz o seguinte. Eu vou pro centro da cidade e você vai rodando pelos bairros, fotografando e postando no site.
- Combinado.


Eles saíram fotografando e postando. Depois de um tempo, começaram a aparecer os correligionários retirando os cartazes e colocando novos no lugar...e a polícia fazendo perguntas. Enquanto isso, o site da turma estava bombando na internet. Centenas de acessos em poucos minutos. Milhares em algumas horas. O negócio virulizou muito rapidamente. Em mais algumas horas já estava em todos os noticiários, nos telejornais e principalmente no facebook. Foi divulgada uma fotografia de uma câmera de um edifício  de um motoqueiro ninja, com a roupa toda preta e com motos também sem identificação.

No comité eleitoral, os marketeiros estavam desesperados.

- E aí? Colocaram os novos cartazes?
- Colocamos chefe. Mas tá dando problema.
- O que aconteceu?
- Os cartazes que colocamos também apareceram todos pintados. E as frases estão cada vez mais agressivas.
- Malditos motoqueiros ninja .Então vão lá e troquem de novo.
- Não adianta, chefe. O povo aderiu e tá se divertindo sacaneando os cartazes e outdoors. Você cola os cartazes e em poucos minutos o povo vai lá e pinta. E tá acontecendo no Brasil inteiro. O trem pegou...

Enquanto isso, os dois amigos estavam tranquilinhos numa pescaria, dando banho em algumas minhocas.

- E aí?
- Vshhh. Fique quieto. Não quer espantar os peixes né?
- Como consegue ficar tranquilo assim com o pau quebrando lá na cidade?
- Silêncio. Estou é pensando na nossa próxima missão.
- Qual será?
- Deixa eu maturar melhor. Mas te garanto que vai ser demais...ihh...fisgou...

Nenhum comentário:

Postar um comentário