sexta-feira, 5 de julho de 2013

PLEBISCITO NATIMORTO e OUTROS ASSUNTOS

PLEBISCITO NATIMORTO

A Dilma foi mais uma presidente a tentar chamar o povo brasileiro para resolver a questão da reforma política. O Executivo queria executar, mas o legislativo não topa mexer nas regras do jogo agora, às vésperas das eleições. Prolonga-se a conversa, enrola-se mais algumas décadas e a reforma política vai ficando para nunca. Não entendo por que ir contra o plebiscito. As manifestações vem da classe média., explorada no liberalismo, oprimida no socialismo. Mas não seria justo trazer toda a sociedade para a conversa? Fazer um esforço para explicar pro povo, traduzir da forma mais simples, para que pudéssemos dar um salto, de um modelo que não funciona, para algo mais moderno, mais sustentável. De Collor a Lula, todos tentaram fazer reforma política, mas o congresso não deixou. O Governo Dilma também tentou abrir uma janela. Mas o congresso está fechando a janela, com conivência da opinião pública. Pra mim, lamentável.

SEM PARTIDO

Digo essas coisas com tranquilidade, pois não sou nem Petista nem Tucano Nem nada. Sou filiado ao PMDB de Alvinópolis, mas me filiei à época por solicitação de um primo, para uma causa que minha mãe considerava justa. O PMDB foi importante historicamente para a redemocratização do país, mas depois mergulhou na lama, atraiu gente muito esquisita e virou um monstrengo.Tem sido  um partido alienista,  adesista, vampiro,  Michel Temer esteve em todos os governos. É um sujeito a se temer mesmo. O PMDB tem até belas páginas na história recendo do país, mas pra ter relevância e confiabilidad teria de fazer uma grande faxina moral e isso é muito difícil de acontecer. Os outros partidos também não convencem. O PV por exemplo, parecia que seria um excelente projeto. Mas acabou se esvaziando logo depois que a Marina Silva saiu. O PSB que era socialista, hoje tá mais para empresarial. O PTB sempre foi direita. O PC do B é histórico, mas não consigo enxergar ali um discurso contemporâneo. Tem a tal de REDE da Marina Silva que nem sabemos o que é ainda. O PR flerta com a direita, mas faz parte do governo de esquerda. O DEM tem pouco destaque e apoia segundo as conveniências. O PPS eu nunca entendi. Desculpem os outros não citados. Concluindo: não temos um partido sequer com credibilidade para motivar os novos eleitores. 

CADA UM NO SEU QUADRADO

É muito fácil colocar-se a favor da corrente.  Foi isso que fizeram quase todos os parlamentares sobre  a questão da PEC 37. Estavam quase todos favoráveis antes. Mas ante a pressão das manifestações, posaram de bom moços e votaram contra. O Deputado Federal Bernardo Santana foi o único político mineiro a votar favorável e vem sendo execrado nas redes sociais por causa disso. Ele foi um dos responsáveis pelo texto da PEC. Estudou bastante a questão e é adepto do cada um no seu quadrado, ou seja, que cada poder cuide da suas prerrogativas.

EFEITO ESTOURO DA BOIADA

Existem os conscientes, graças a Deus. Mas existem muitos que vão no estouro da boiada. Repetem o que os outros estão fazendo. Pisoteiam sem consciência do pisotear.  Entram nas manifestações para se sentirem dentro, por essa propensão humana a se agregar, a fazer parte de alguma coisa.

DIFÍCIL DE ENTENDER...

Se os governos municipais ( em sua maioria) vão mal, se os governos estaduais andam endividados e com pouca capacidade de atendimento as demandas básicas, se o povo anda reclamando tanto da saúde, do transporte público, da segurança pública, dos preços dos serviços básicos, como é que as pesquisas davam toda aquela aprovação para o governo? Tem coisas difíceis de entender...

REVOLUÇÕES CONVENIENTES

Uma pessoa me falou uma coisa interessante na internet. Ela falou que se o governo impuser sua pauta no PLEBISCITO, vai esvaziar as causas dos segmentos. Por exemplo, não haverá entre os itens, as causas dos Perueiros, dos tomadores de contas dos carros, dos motorista de taxi do aeroporto, dos engraxates da praça principal da cidade. Será que continuaremos tendo micro manifestações daqui pra frente? Será que é isso?

PAUTAS INCONVENIENTES

Algumas propostas não são nem discutidas dentro do governo.  O Fora Renam é um dos assuntos. Mas tem também o fora Dilma, o fora todo mundo... 

NOCAUTE

Sabe qual a maior causa dos nocautes? Resposta: o scocco. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário