terça-feira, 15 de maio de 2012

CRISTIANO SALAZAR, PAPALO MONTEIRO E MANO DI SOUZA: O NORDESTE EM MONLEVA

CRISTIANO SALAZAR
Quando pegamos a estrada rumo à Bahia, uma das cidades no trajeto é Teófilo Otoni. Pois de lá vem Cristiano Salazar, artista de primeira grandeza que estará em Monlevade nesta quinta-feira, se apresentando na abertura da Palestra com o Deputado e consultor Antonio Roberto(PV). Ele fará um pocket show de  30 minutos antes da palestra do nobre deputado. Conheço Cristiano há uns 3 séculos. Grande compositor e excelente intérprete, Cristiano vai interpretar clássicos da MPB e também músicas do seu último CD intitulado “fruto”.A primeira vez que ouvi o Cristiano foi numa entrevista na rádio inconfidência FM em Belo Horizonte. Eu ouvia o programa do Tutty Maravilha, que fez a segunda pergunta pra ele: - Cristiano Salazar, de onde você é? E o Cristiano emendou: uai, sou do mundo. Sou oriundo de Teófilo Otoni, mas uma vez que me propus a me tornar artista, tornei-me um nômade, portanto, sou onde minha voz ecoar. Depois, fui conhecer o Cristiano pessoalmente no estúdio 108, o mais famoso de BH na época. Nossa amizade começou ai e nunca mais terá fim. O polivalente artista caiu de cabeça no mundo da música de Belo Horizonte. Começou trabalhando como artista solo, teve incursões pelo mundo brega, chegando a integrar o grupo Veludo Cotelé. Depois criou o personagem Bob Charles(que chegou inclusive a tocar na rádio alternativa). Há 8 anos retornou a Teófilo Otoni onde criou um programa de auditório de muito sucesso na cidade. Mas como é um artista inquieto, gravou um CD novo e está correndo mundo divulgando esse novo trabalho. Há pouco tempo criou grande polêmica ao fazer um show dentro de um canal  às margens de um rio poluídíssimo que corta o centro de Teófilo Otoni. O show foi um protesto contra a degradação, que já está atingindo sua amada cidade.  
Cristiano no famoso show do canal
Nessa quinta-feira, dia 17, o convidados da área da saúde que chegarem mais cedo para a palestra terão a oportunidade de ver um show desse grande artista. A palestra está marcada para as 19 horas e a apresentação do Cristiano será as 18:30.  Importante salientar que a palestra faz parte da Semana de Enfermagem, sobre coordenação da Secretaria Municipal da saúde.

 MANNO DI SOUZA E PAPALO DE SOUZA 

No litoral, a Bahia tem o axé. Mas a música do interior da Bahia é bem diferente. É muito mais regional, rústica, densa. Luiz Gonzaga que o diga. Pois é essa musicalidade do interior da Bahia que nos trazem os cantores e violeiros Papalo Monteiro e Manno di Souza. Manno di Souza é um nobre representante da música do interior da Bahia. O cabra é dono de uma voz cortante que lembra Lenine e Alceu Valença. Suas composições tem a aspereza nordestina, com sonoridades que remetem ao forró, ao xaxado, aos repentes, Luiz Gonzaga, etc.Já Papalo Monteiro é um dos principais nomes da música agreste contemporânea. É um violeiro renomado, sempre convidado para os festivais do instrumento por representar uma escola diferente. A viola nordestina tem afinações próprias e as harmonias e ritmos são diferentes da viola caipira, mais comum em Minas e no interior de São Paulo. O trabalho do Papalo tem grande riqueza poética e as músicas intercalam sutilezas e delicadezas com repentes nordestinos.  DIA 19 – SÁBADO – NA CAMINHADA ECOLÓGICA DO PARQUE DO AREIÃO – Com presença das Caminhantes da Estrada Real – Show com Papalo Monteiro e Manno di Souza – de Vitória da Conquista – BA.

Um comentário:

  1. Martino, muito obrigado pela divulgação no seu blog do nosso trabalho.

    Uma ressalva. Meu nome correto é Manno di Sousa

    ResponderExcluir