quarta-feira, 9 de maio de 2012

ALTERNATIVA 23 ANOS

Há 23 anos atrás, João Monlevade ganhava sua primeira rádio FM estéreo, uma alternativa com som muito superior as emissoras AM que operavam na região. Embora conhecida por todos apenas como rádio alternativa, o nome dela mesmo é Alternativa 1, quer dizer, a primeira alternativa de todos. Nesses 23 anos, sempre interagi bastante com a rádio, uma potência em termos regionais, que atinge uma área enorme, compreendendo mais de 1 milhão de pessoas em seu raio de ação. Mas lembrar da Rádio Alternativa é recordar os responsáveis por esse sucesso há 23 anos. A começar pelo João Carlos de Souza Carvalho, que é o diretor geral e administra a emissora com excelentes resultados. Tanto que em sua gestão, a Rádio já nasceu grande, ousou ao adquirir sua atual sede num dos pontos mais nobres e valorizados da cidade, sempre manteve a postura de se atualizar tecnologicamente e hoje se prepara para dar um salto de qualidade que será anunciado em breve. Weber Ferreira, responsável pela coordenação artística, mantem a rádio como espelho das preferências musicais da região e nunca deixou de apoiar as expressões artísticas da gente do Piracicaba. Por lá, toca Fabrício e Elcimar, Infocus, República dos Anjos, Calk, Silvanna Martins, Verde Terra, Marcos Martino, Mauro Martins, Lívia Bicalho, o Festiaço é divulgado por lá, tanto que as músicas vencedoras já foram executadas e o Desarme vai entrar na programação. A Rádio tem sido uma alternativa para os artistas e com excelentes resultados. Eu mesmo já comprovei a eficácia da execução na Alternativa. Uma música minha chamada DO OUTRO LADO DO ESPELHO foi bastante executada na rádio por intermédio do cantor Mauro Martins. Sou reconhecido por causa dessa música até hoje.  Algumas pessoas se surpreendem quando ficam sabendo. Podem até não me conhecer, mas conhecem a música. A minha banda REPÚBLICA DOS ANJOS também tocou bastante. Mas não dá pra falar da Alternativa sem citar algumas pessoas que lá trabalharam ou trabalham. Caso de Giovanni Gandra, grande locutor e comunicador com o qual já trabalhei muitas vezes nos Festivais da Música de Alvinópolis. Como Marcão, que hoje é quase prefeito no interior do Espírito Santo. Como o meu amigo Gladevon, que também faz parte da história, assim como o Faísca. Como Antoinete, sempre muito atenciosa. Como a Bernadete, esteio da Rádio e do João, como Cláudia Gandra, que brilha há muitos anos na Rádio Liberdade, em Betim. Como Salézio e Marcel, grandes programadores, como Ricardo Nery mil Vozes, que hoje estuda e brilha em Belo Horizonte, como o Francis Jr e Alessandra, do jornalismo, que redigem os textos. Como o Juninho, que edita e muito bem,  como meu conterrâneo Mauro Lúcio, como o técnico e locutor Mauro, como o Waldir, o Betão, com os quais sempre tive excelente relacionamento profissional. Como a menina da cozinha e os outros locutores, como o Jeremias,  todos muito atenciosos e profissionais, o que parece ser uma marca da Rádio. E como o próprio José Santana, que foi visionário e dotou a região de uma rádio que é uma marca regional, reconhecida em extensa regiao do estado. O aniversário ainda é no dia 14, mas já merece ser comemorado desde já. Parabéns à Alternativa e obrigado pelos bons serviços prestados à cultura da região. E boas coisas vem por aí...que venha o futuro...

Nenhum comentário:

Postar um comentário