segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

2013 e a REVOLUÇÃO MUTANTE

A única certeza que temos sobre 2013 é que será on-line. Nós cruzeirenses já ficamos cabreiros, pois 13 é galo. Esperamos que dê é azar pros cacarejantes. Aliás, 2013 é um ano até mais adequado para o fim do mundo. Mas não acaba. Só se dermos um azar e pintar um asteroide gigante em rota de colisão. Neste caso teremos de chamar Bruce Willis. Somos teimosos. Vamos continuar brigando pelas causas que considerarmos importantes Os terrenos é que já não são os mesmos. Tenho mais medo da obsolência que da morte. Hoje é tudo virtual e neste ambiente as configurações mudam muito rápido. Como estamos sempre conectados, somos localizados a qualquer tempo. Não importa onde estejamos, mas que estejamos online. Seja na praia, na roça, viajando, no banheiro, no smart, no tablet, nas tvs, nas geladeiras, em qualquer superfície. É muito ruim nos sentirmos off-line. Dá uma solidão dos diabos, uma sensação de que estamos perdendo algo único que está acontecendo agora. Mudou a nossa forma de consumirmos notícias. Precisamos de informações instantâneas pois são elas que nos alimentam, hoje mais que o pão.(em sua maioria, porcaria, informações tóxicas, distorcidas e traduzidas para o consumo ou para impor as vontades de algum poderoso operando suas máfias). Há uma revolução mutante acontecendo e 2013 será um ano de novas conformações nesse movediço mundo novo. É um universo que ainda tem muitos terrenos inexplorados, posto que é infinito. Mesmo assim, muitos ainda resistem e continuam pensando analogicamente. Velhas mídias não vão morrer, mas terão de se adaptar. Com isso, velhos empregos vão sendo extintos. Quem não tiver a capacidade de se reinventar será excluído ou terá papéis terciários. E você? Vai mergulhar na virtualidade ou resistir na densidade analógica, mesmo sabendo que a nuvem computacional avança e atropelará tudo que estiver pela frente? Talvez possamos buscar o equilíbrio, intercalando internet e cachoeira, Então é isso! Um 2013 orgânico para todos...porém on-line. Vamos viver... mesmo porque a outra alternativa  vai ficar um pouco pra frente... 

domingo, 30 de dezembro de 2012

Feliz 2013. E mensagem de luto.

Reproduzo aqui postagem da Dra. Dayse D'Avila sobre acidente que aconteceu na estrada de  Mucuri e que vitimou uma família amiga. Quem me indicou o blog da Dra. Dayse foi a amiga Lane Domingues. O acidente do texto abaixo, aconteceu em outra estrada, mas poderia ter acontecido em nossa BR 381, que tem muito mais elementos pra isso. De qualquer maneira, o argumento dela é triste e válido. Que Deus dê alivio aos que ficaram. Quanto a justiça, a divina deve funcionar no juízo, já a dos homens...não sei não...

"Hoje estou considerando meu último dia de 2012. Daqui a pouco, fecho a Clínica e viajo para o Sítio com as crianças. Cavalo, mato, pomar, piscina, cozinha mineira, andar descalço, rede… coisas que amo fazer com meus filhos e marido. Mas foi para mim um dia triste hoje.

Pela manhã, uma das minhas melhores amigas, enterrou seu marido e seu filho caçula em Ipatinga, de apenas dois anos de idade, após um grave acidente de carro. Estavam os quatro no carro, ela, o marido e os dois filhos. Num certo trecho da estrada, depararam com um grande buraco na pista. O carro perdeu o controle, capotou e ainda colidiu com outro veículo, cujo motorista de 25 anos morreu na hora. Uma tragédia.

Mandei uma mensagem para ela no Facebook e observei que praticamente todos invocaram a força de que vem de Deus. Citaram orações, desejaram a benção do Senhor. Quase todos. E realmente, somente e somente Deus pode reerguer uma pessoa depois de uma situação dessa. O filho mais novo tinha síndrome de Down. Uma criança linda, amada e protegida que se foi, junto com o pai.

Não posso falar por Deus. Não ouvi da boca D’Ele o que Ele pensa dessa situação que nós homens não conseguimos entender e explicar. Mas tenho certeza que essa não foi a vontade de Deus. Deus não poderia querer isso para uma família. Todas as coisas acontecem com o CONHECIMENTO de Deus. Mas nem todas são a VONTADE de Deus. Nós vivemos sob o livre arbítrio. Debaixo das nossas vontades. E essa tragédia é a vontade dos homens.

Sim, dos homens. Havia um buraco enorme na estrada. Uma pista que não foi reparada. Essa é a vontade, me desculpe, do Marcos Valério. Do José Dirceu. E de tantos outros que desviam de nós nossos direitos. De todos os homens que fazem, a cada dia, nossa história de corrupção. Que compraram bolsas chiquérrimas, viagens, carros e whisky 12 anos com o nosso dinheiro. Com o nosso dinheiro de erguer hospitais. De tampar buracos. De dar educação às crianças. De construir faculdades que melhorariam a vida das pessoas. Que roubam de nós a vida que Deus nos deu. Que nos impedem de seguir com a nossa família.

A vontade de Deus é que nossos governantes cuidem de um povo. Que os governe com equidade. Com justiça. Que reparem as estradas. Que as pessoas paguem impostos corretamente. E que eles sejam usados para que as pessoas estejam comemorando o nascimento de Jesus no Natal e brindando um Fim de Ano agradecendo pelas bênçãos que o Criador nos providenciou. E não enterrando seus entes queridos enquanto outros se divertem com as nossas riquezas desviadas.


Esse foi o buraco que tirou a vida de três pessoas. Esse é o buraco na nossa sociedade. É por causa disso, e das lágrimas dessas famílias que nunca serão reparadas que os corruptos precisam ser punidos com dureza e aspereza. Sem piedade. A vontade de DEUS é vida e vida em abundância. Amando ao próximo e não permitindo que ele caia no buraco. Ainda mais sem nunca mais poder se levantar.

http://dradaysedavila.com/destaques/feliz-2013-e-mensagem-de-luto/

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

BR 381 - SÓ REZANDO MESMO !!!


Sei que corro o risco de ser chamado de chato, mas mesmo assim vou voltar ao tema. Há alguns anos bato na tecla da duplicação da BR 381, mas já começo a rever meus conceitos. Não é essa a prioridade e isso chega a dar calafrios. É obvio que a duplicação iria diminuir a incidência das colisões frontais, mas já não tenho dúvidas de que o problema maior é mesmo a irresponsabilidade e sinceramente, vejo que o problema é bem mais grave do que aparenta. Isso porque o Brasil não tem estrutura para suportar o fluxo cada vez maior de automóveis e muito menos de fiscalizar os motoristas que trafegam muitas vezes de forma suicída. Viajando pela rodovia da morte, a gente vê coisas do arco da velha. Engraçado  como todos viram santinhos quando passam perto dos radares, porém os aparelhos já tem suas localizações mapeadas. Logo que passam dos pardaizinhos, os motoristas já colocam 130, 140 no ponteiro. Tem delitos de todos os jeitos. Interessante que os veículos maiores que deveriam andar à direita, próximos ao acostamento, trafegam pela faixa do meio. E os veículos pequenos, por sua vez, utilizam a pista dos caminhões para arrojadas ultrapassagens pela direita. E o que o povo ultrapassa nas faixas contínuas é uma festa. Alguns motoristas não suportam ficar atrás dos caminhões por muito tempo e preferem o risco de uma colisão que esperar mais alguns minutos. E dá-lhe motoristas falando ao celular, usando espelhos pra ajeitar os cabelos, até mesmo digitando mensagens nos smartphones enquanto dirigem. E tem aqueles que adoram testar os limites dos carros e voam pela BR como se pilotassem mísseis das estradas. Vi também  um caminhoneiro tomando cerveja pelo bico da garrafa.Numa reportagem do jornal nacional, já pudemos ver que tem motoristas que fumam craque, tomam ribites e sei lá mais o que. Fico imaginando um motorista com alucinógenos na cabeça. Os absurdos são tantos que sinceramente, não sei se tem jeito. E quando a gente acha que não tem mais absurdos para acontecer, vemos aquela cena do cara descendo a rodovia em alta velocidade usando uma cadeira de rodas e até ultrapassando os outros carros. Meus amigos de BH juraram que foi montagem, mas em se tratando da 381, só tá faltando pintarem OVNIS e a menina de branco do elevador do Silvio Santos. Escrevi esse texto, enquanto enfrentava um congestionamento de duas horas na chegada a BH por causa da travessia da ponte sobre o Rio das Velhas e também em função da diminuição da velocidade no posto da polícia federal. Ali, todos viram santinhos também. Mas ao atravessar aquele ponto, pé na taboa de novo e mais e mais loucuras ao volante. Achei curiosa também a reportagem do jornal nacional, onde a polícia rodoviária federal fazia um balando das ocorrências no feriadão. O que pegaram de bebuns não tá no gibi, mas os danados dos pés de cana não desistem. Mesmo sabendo que podem morrer e destruir famílias, que podem perder carteira, serem presos, ter o veículo apreendido, continuam misturando bebida e direção. O problema é que o sujeito com muitas na cabeça fica valente e se sente o fodão do pedaço. E a Polícia Rodoviária Federal que me desculpe, mas no trajeto de Alvinópolis a João Monlevade não vi viaturas  na estrada. Só no posto da PRF mesmo. Com isso, o povo vai cometendo seus crimes, vai invadindo as faixas alheias, ultrapassando até por cima e botando em risco quem não tem nada a ver com a história. Se duplicar a BR, será ótimo. Mas precisa duplicar mesmo é a responsabilidade e pra isso só tem um jeito: radares a cada km e muitos policiais na estrada. E punição exemplar. Ahh...e rezar muito... 

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

O NATAL CAPITALISTA

O Natal a cada ano é menos natal. Poucos se lembram do aniversariante. Nos natais de nem tão antigamente assim, havia pelo menos uma reza, havia caridade e reflexão.. Hoje, a maioria quer saber é de comer, comer, se embebedar, sem se lembrar da importância da data. Tudo bem que é época de congraçamento, que as famílias se reúnem e tudo. Mas natal tem a ver com natividade, com nascimento. E o menino jesus? Se você perguntar para qualquer criança ou jovem quais são os símbolos do natal, vão se lembrar do Papai Noel, das renas,dos presentes, dos amigos ocultos, das árvores cheias de bolas coloridas, das árvores gigantescas de neon, mas jesus pouco é lembrado. Imaginem uma festa de aniversário em que ninguém se lembra do aniversariante. Todos penetras. O Deus é o dinheiro e o ritual é o consumo. É vamos crucificar cristo de novo...só que desta vez ele vai servir da cabide...para pendurarmos as nossas compras. 

domingo, 23 de dezembro de 2012

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

O MINEIRÃO E O LATA VELHA DO LUCIANO HUCK

Não sei porque, mas ao ver as fotos do novo mineirão me lembrei do Lata Velha do Luciano Huck. Vendo de longe, pelas fotografias e pela TV, não tive uma impressão boa. Senti como algo recauchutado. Tinha a expectativa de algo mais com cara de novo. Achei que aquela extensão que fizeram da cobertura ficou feia,  parecendo que fizeram um remendo ali. Pode ser que lá dentro seja lindo, que tenha maravilhas tecnológicas de encher os olhos. Mas a impressão que se tem é que com o estádio vazio, as cadeiras ficaram tristes, apagadas, naqueles tons de  branco com cinza. Imagino que tenham sido pensadas para que as próprias torcidas emprestem seus coloridos. A Dilma elogiou o contraste entre a arquitetura original preservada e a modernidade. O mineirão tava velho mesmo, com uma rachaduras feias e precisava de uma reforma há muito tempo. Mas pelo tanto que se alardeou, confesso que esperava mais. Achei que dariam pelo menos uma mão de tinta naquele concreto que parece sujo. Devem haver ainda muitos ajustes a acabamentos. Só pode ser. Devo ressaltar que digo tudo isso sem ter ido lá pra ver de perto. Apenas passei nas imediações. Temos de visitar e ver funcionando. Tem lá a cor vermelha da bandeira de Minas. Tem também a cor laranja. Será o BMG? Pode ser. De azul, tinha a frase da música do cruzeirense Lô Borges que diz: sou do mundo, sou Minas Gerais. Tudo a ver com o Cruzeiro...

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

BR 381 - A MATANÇA VAI CONTINUAR

O título procede sim. Não venham me dizer que estou exagerando. Vamos continuar viajando e vendo sangue, corpos decapitados, esquartejados, cenas de terror na rodovia da morte. Vejam bem quantos paradoxos em tão pouco tempo. No mesmo dia, postei uma matéria, extraída do Jornal A notícia de João Monlevade. Nesta matéria, era informado que finalmente sairia a licitação da BR 381. Só estranhei uma informação. Que a licitação sairia no dia 26 de fevereiro. Ops, então podemos presumir que as obras mesmo não começarão em março, como afirmou o nosso ilustre governador. Será que vão colocar um nariz de pinóquio no governador também? O nariz da Dilma já tem alguns metros, assim como os narizes dos ministros do transporte e dirigentes do DNIT, que já prometeram e fixaram datas várias vezes, sem vergonha nenhuma de prometer, reprometer, não cumprir e protelar de novo.Impressionante como as caras não queimam. Depois pintou uma notícia que me deixou animado: a operação RODOVIVA, da Polícia Rodoviária Federal. Até escrevi parabenizando a PRF. Seria fantástico se houvesse finalmente fiscalização e punição para os irresponsáveis e se possível de forma vitalícia. Nos releases, repetidos em diversos sites, depois de muito pesquisar, vi que felizmente a BR 381 era uma das contempladas, com fiscalizações e blitz nos pontos de maior incidência de acidentes. Mas quando fui pesquisar a localização dos pontos divulgados, fui surpreendido ao constatar que os pontos escolhidos, são nas proximidades de Betim e de São Joaquim de Bicas. Quer dizer, na parte realmente perigosa, na nossa área, nada. Dá pra acreditar? Dá.uai. Parece que existe uma má vontade inexplicável com a nossa região. E já tem gente me mandando mensagens dizendo que estou querendo é me promover através da 381. Promover? Eu quero é viajar em paz  e chegar com vida em minha Alvinópolis, em João Monlevade e imediações. E não quero mais perder amigos, como já perdi nesta BR maldita. ( Escrevo com amargura, mas quem sabe a PRF reveja essa posição e contemple também o nosso trecho. Precisamos disso mais que tudo).

PRF - ESPERANÇA PARA A BR 381

Não existe palavra melhor para definir a saga da duplicação da BR 381 do que esperança. A gente espera, espera, espera e essa duplicação não sai. Porém, existe um consenso de que a maior causa de acidentes é a irresponsabilidade de alguns motoristas. Portanto, um programa como o RODOVIDA da PRF, Polícia Rodoviária Federal, merece o apoio da sociedade. Sugiro a consulta ao site do governo, fonte mais segura possível: http://www.brasil.gov.br/noticias/arquivos/2011/12/19/operacao-rodovida-faz-fiscalizacao-integrada-de-60-trechos-mais-perigosos-de-rodovias-do-pais. A operação já está acontecendo em vários pontos do Brasil. Resta saber se acontecerá também no trecho da BR 381. Vou buscar informação à respeito junto a própria PRF e divulgar aqui. Mas não tenho dúvidas de que, informação, fiscalização e punição aos infratores pode ser mais eficaz do que a própria duplicação, tão sonhada e reivindicada a tantos anos. E que a nossa PRF seja equipada adequadamente. Existem informações que recebeu milhares de bafômetros nos últimos dias. Isso é importante, mas não são apenas os bebuns irresponsáveis que fazem loucuras na 381. Tem gente que é irresponsável de cara limpa mesmo. Mas tomara que o programa RODOVIDA não se fique apenas neste período de férias, mas que se torne vitalício. E parabéns a PRF pelo programa. Toda a sociedade agradece. Resta saber se a BR 381 está entre as rodovias contempladas com o projeto...

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

FOQUE-O, FOQUE-O



O poeta boêmio caminhava bêbado em direção a sua casa, após bailar na Nahgt Club, quando deparou-se com um ladrão

- Ai, meu amigo.  Passe o dinheiro.É um assalto.
- Hein? O que é que tem o asfalto? Hic !
- Ai, meu Deus...é hoje! É o seguinte, meu amigo. É um ASSALTO. Eu sou um assaltante, eu assalto pessoas.
- É mesmo? Que interessante. Eu sempre quis conhecer um assaltante assim ao vivo. Hic.
- Meu camarada. Deixa de besteira e passe a carteira...
- A carteira? Vixe....eu não ando com carteira. Serve cartão de banco?
- Ah, pelo amor de Deus. Como você anda de madrugada, sozinho pela rua e sem dinheiro? Não sabe que é perigoso?
- Tem perigo não, sô! Deus protege os bêbados.
- Protege coisa nenhuma. Vamos lá no banco tirar o dinheiro...
- Mas antes, me diga uma coisa. É emocionante ser ladrão? A adrenalina vale à pena?
- Ah, vale à pena nada. Além do risco tem esse negocio de ter de dormir de dia e trabalhar à noite. No fundo é uma profissão muito desgastante. E não temos aposentadoria nem garantias trabalhistas.
- Imagino. Hic...Aqui...tem um caixa eletrônico perto da farmácia. Quanto você precisa?
- Quanto eu preciso? Você tá ficando doido? Eu quero é o dinheiro todo que tiver lá.
- Mas meu cartão só dá pra tirar 250 reais por dia e hoje eu já tirei 180.
- Pelamordedeus. Então vamos lá tirar esses 70. Pelo menos eu salvo a minha noite.
- Aqui...depois que eu tirar lá...topa tomar uma saideira no bar do Juca?
- Que isso, meu camarada. Eu não costumo beber durante o serviço.
- Vamos lá só de companhia. Vamos lá que te pago um refri...só pra eu não beber sozinho. Eu  tenho um resto de dinheiro aqui comigo. De repente te pago até um macarrão lá no ultimo que fecha.
- Escondendo leite né?
- Não...é o troco lá do boteco que fechou. Mas vamos lá tirar o dinheiro...senão até o ultimo que fecha vai fechar.
- Então tá bom. Só pra lhe fazer companhia mesmo. Eu manhã não posso acordar muito tarde. Estou fazendo um curso de inglês.
- É mesmo? Mas para que um ladrão se interessaria em fazer um curso de inglês?
- Ora, a copa do mundo vem aí, né? Se você não souber falar um pouco de inglês, não consegue nem tirar uns dólares dos gringos. E tá tendo um curso noturno para profissionais como eu. Outro dia até fui só pra assistir uma aula e achei muito interessante.
- E aí? Deu para entender alguma coisa?
- Não sei. Parece que eles estavam tendo aulas de fotografia.  O professor tava ensinando o pessoal a falar  Foque-o...foque-o. 

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

CHATICÍDIO


Porcocidio, 
baconcidio,
cafecídio,
alcoolcídio,
cocacolocídio, 
cigarrocídio, 
facecídio
fimdemundocídio,
chaticídio 

YES !!!

Todos tem a sua banda favorita. A minha é essa...ainda mais com esse guitarrista aí...

CHEGA A HORA...


quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

CENAS DA PERIFERIA LANÇADO

Tive a oportunidade participar da produção de um CD muito legal reunindo os grandes nomes do funk monlevadense. Trata-se do projeto CENAS DA PERIFERIA. Os Mcs que participaram, tiveram a assessoria do grande produtor carioca GRAND MASTER RAPHAEL, um dos maiores produtores do gênero no país. O resultado são composições que retratam os sentimentos das periferias, os sonhos, o mundo marginal, o romantismo, o sexo e o duplo sentido. Foi engrandecedor poder conhecer e conviver alguns dias com o Grand Master, um cara simples, gente boa, cheio de filosofia carioca. Importante fazer justiça e dizer que o CD foi possível, graças a persistência do Serginho Boladão, juntamento com o JB Oliver. E foi bacana também ver a qualidade de um Bob Tury, do Pitt Bull, do MC Xocolate, entre outros. Importante também dizer que o prefeito Gustavo deu todo o apoio possível. Desejo à turma todo o sucesso e me coloco à disposição para ajudar dentro das minhas limitadíssimas possibilidades. 

A BR 381 É O FIM DO MUNDO

Parece que há uma estratégia sempre utilizada a cada vez que aumenta a revolta com relação à duplicação da BR 381. Aparece alguém do governo, dá entrevistas, determina datas, autoridades dizem que desta vez vai, que a Dilma é sensível aos nossos mortos, que o Anastasia desta vez vai cuidar pessoalmente e que vai colocar o DER pra fiscalizar. E cadê? Não há notícias. Só as que chegaram  por rádio de imensa credibilidade, dizendo que a bancada mineira já alertou que as obras só começarão em 2014. 

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

TÔ PARANDO...CANSEI


POR QUE O ROCK?

Venho percebendo um fenômeno muito interessante acontecendo. Embora os gêneros preponderantes no país sejam o Sertanejo, pagode,funk, axé e romântico, entre a turma nova só dá rock. Incrível o número de bandas que existe na maioria das cidades. Achei que o fenômeno estava restrito a Alvinópolis e João Monlevade , mas ao abrirmos inscrições para o Rock Pira, percebi claramente que o cenário se repete na maioria das cidades. Percebi que em Barão tem muitas e excelentes bandas de rock. Em São Gonçalo também. Itabira também tem banda pra caramba, Rio Piracicaba, São Domingos do Prata. Mas como explicar isso? É o seguinte. Os mais novos querem estravazar a energia, a testosterona, a rebeldia característica da idade e nada melhor que o bom  rock and roll pra liberar essa explosão criativa. O curioso é que o rock já não é moda no Brasil, não é consumido pelo grandecpúblico. Neste negócio  de consumir música, houve uma mudança nos hábitos. Antes as pessoas ouviam música pelo prazer de curtir uma bela melodia, uma bela letra. Hoje, as pessoas querem ser protagonistas. Querem músicas pra dançar, pra zoar, pra curtir. As mulheres querem música para balançar o esqueleto e mostrar os atributos. Os homens querem música para o mesmo motivo, para que as mulheres possam mostrar o que tem de melhor. Vira uma dança do acalamento. No fundo, as pessoas querem é aquilo e tudo vira trilha sonora para gerar o clima propício para o sexo. Já o rock tem algo de narcisista. O guitarrista quando toca se exibe, tem algo de fálico em sua postura, de épico. A meninada fica doida e quer imitar seus heróis. Os bateristas tem o poder do trovão, juntamente com os baixistas, que constroem suas pilastras de graves. Tem algo de muito sexual na coisa também, mas tem diferenças. No rock, as pessoas precisam dar atenção para os artistas no palco, curtirem os solos, os arranjos. Isso não se dá com outros gêneros, como o funk ou o sertanejo. No sertanejo, só as duplas, engomadinhas e bonitinhas tem a atenção do público. No samba e no funk, a atenção vai pras mulheres sambando e mostrando o que tem de melhor. Mas, de qualquer maneira, a galerinha que toca quer saber é de rock. Não venham me dizer que trata-se de um estilo alienígena, pois toda a nossa música é derivada de gêneros oriundos de outras praças. Tem pra todo mundo no self service musical à disposição. E que a galerinha continue curtindo e tocando rock. Mas que façam suas próprias músicas, pois tá faltando renovação no repertório. As bandinhas continuam tocando ACDC, Pink Floyd, Iron Maden, Metallica, Legião, Barão, Capital e por aí vai. Tô sentindo muita falta de coisa nova legal...

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

VINICIUS ARAUJO, O NOVO MATADOR AZUL

O Cruzeiro está revelando ao mundo um matador que é uma mistura de Kleber Gladiador com o Fred que está no Fluminense. Trata-se do jovem Vinicius Araujo. Assisti várias partidas do cruzeiro Sub-20. O jovem jogador é daqueles que confere todas. Mesmo  quando a situação está complicada, quando o time não engrena, ele pega a bola sozinho e resolve. Chuta e cabeceia muito bem, joga sempre em direção ao gol, não tem medo de cara feia, encara os defensores com vigor, pelo porte físico privilegiado e se continuar nessa trajetória ascendente, vai dar muita alegria para a torcida azul. Isso é muito bom, pois aguentar Wellington Paulista e Anselmo Ramon só com muito lexotan. E vamos parar de chamar o cara de Romarinho. Ele não deve ser genérico de ninguém, mas construir uma marca própria. Mas é sério. Muito animadoras as atuações do craque Monlevadense. E as frangas vão tremer, pois o Cruzeiro vai contratar bons jogadores e formar um bom time. O centro-avante já está na toca. É Vinícius Araujo. Muita sorte pra ele...e muitos títulos para o Cruzeiro. Diga-se de passagem, até substitui a foto e coloquei essa que tem mais a ver com o cruzeiro, onde o craque carrega uma taça , afinal, cruzeirense é acostumado com títulos. Que as ruas e avenidas de Monlevade estejam preparadas para recebê-lo em desfile com vários troféus conquistados pelo cruzeiro. 

sábado, 8 de dezembro de 2012

O AMOR CAI, LEVANTA E VAI...

Essa é uma frase da letra de música da minha banda, REPÚBLICA DOS ANJOS, que compus em parceria com Guilherme Fonseca. A frase tanto pode dizer respeito ao amor romântico, como ao amor  daqueles que levantam bandeiras, que as vezes caem, mas logo se levantam e continuam na guerra. Também diz respeito ao próprio Jesus Cristo com sua cruz, que mesmo acossado, mesmo extenuado pelo peso, caiu, mas levantou-se e carregou o peso do mundo nas costas até o derradeiro calvário. Por isso, temos nossos percalços. Mesmo levando tudo na ética, mesmo com as melhores intenções, somos julgados e condenados por erros que nem cometemos. São delitos germinados na frustração de alguns, que por não conseguir compreender seus próprios fracassos, procuram bodes expiatórios, descarrêgo para as culpas que não conseguem expurgar. Mas, sabedores de que a memória dos feitos tem baixa retenção, que na luta pela sobrevivência as traições são corriqueiras, mesmo sabendo que vivemos numa sociedade em que não matar o leão do dia te faz sua vítima, mesmo assim, temos de meditar e aquietar a alma. Por isso o perdão, por isso a consciência do dever e o morrer pela causa se for preciso.

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

UM NOVO FIM DO MUNDO

A NASA se mobilizou na internet para desmentir o fim do mundo. Que nada, Nasa. O Fim do mundo é fashion. Este então, com esse negócio do Calendário Maia, ficou mais em chique ainda. Só não vai superar a frase: "mil chegará, dois mil não passará", que ouvimos durante anos. Mas a NASA fez até conferência pra anunciar que não tem sinal algum de possíveis cataclísmas, de meteoros caindo, planetas se chocando contra a terra, enormes labaredas solares e outras previsões mirabolantes. Mesmo assim, já tem pregadores anunciando o fim e vendendo camarote pra assistir o espetáculo. Outras teorias malucas são encontradas na internet. Começaram a aparecer na gravações supostamente feitas em diversas partes do planeta, onde foi ouvido um som muito estranho, parecendo um acorde  metálico, um estalido esquisito. Quem quiser saber mais, pesquise Estranhos Sons no google. Ao mesmo tempo alguns sites especializados em fraudes já desmascararam, pois os vídeos vem quase todos do mesmo destinatário. Possivelmente uma campanha de algum filme que será lançado perto do dia 21. Tem outra teoria também de que o homem está lidando com tecnologias novas, que interferem na ionosfera, com poder de gerar tempestades e até terremotos direcionadas para qualquer parte do globo. Eu falo de forma bem rota, mas trata-se de um projeto chamado HAARP. Uai, será que dá pra fazer chover no nordeste de vez em quando? A questão é que que existem fortes rumores de que o HAARP está sendo pensado em seu potencial bélico e seus os efeitos colaterais são imprevisíveis. Dizem que já estão fazendo testes e que há suspeitas de que os barulhos estranhos que as pessoas estão ouvindo podem estar relacionadas com o tal do HAARP. E alguns temem que o HAARP possa causar um colapso e alterar drasticamente o equilíbrio do planeta. Filmes sobre o fim do mundo estão na moda. Já eram na década de 50, com muitas invasões de discos voadores. Teve um filme que me marcou muito que foi  Guerra dos Mundos, em que os Ets profanaram até a religião católica. Houve uma cena em que um padre chegou na frente de um disco voador e levantou sua cruz. Os ETS o desintegraram  com seus terríveis terríveis raios lasers. Onde está Deus? Era a pergunta no ar nos cinemas.  Depois teve vários filmes sobre fins do mundo nucleares, outros tantos com o congelamento da terra, dilúvios, terremotos, blackouts. Tem até muitos filmes que falam do pós fim do mundo, quando os sobreviventes da terrível catástrofes moram em cavernas ou andam sujos e maltrapilhos pela terra devastadas. Isso quando não viram terríveis mortos-vivos comedores de cérebros. Mas, não há dúvidas de que o fim do mundo mexe com o imaginário das pessoas. Enquanto eu escrevia, chegou mais um email sobre o fim do mundo. Desta vez dizendo que serão apenas de 3 dias de escuridão, dos dias 21 a 23. Não sei vocês, mas as 00:01 minuto do dia 22 de dezembro de 2012 tomarei um copo de água para celebrar a vida. 

OS ORDINÁRIOS ( CRÔNICA PUBLICADA NO JORNAL BOM DIA)








Enquanto isso, um casal apaixonado se desmanchava em juras de amor...

- HOMEM - E aí, meu amor. Onde quer passar o verão?
- MULHER - Ah, não sei...queria um lugar mais tranquilo. De repente uma aldeia de pescadores...
- Mas você não queria conhecer o Egito, a Grécia?
- Nossa, você é tão carinhoso, tão atencioso comigo...quer fazer todas as minhas vontades...
- Você merece...você é suave,  meiga, leve , muito sutil em tudo.
- Que bom, né? Que a gente se dá bem, que a gente gosta das mesmas músicas, dos mesmos pratos.
- Pois é. Nossa química é perfeita,  parece que fomos feitos um pro outro.
- Sabe? Eu acredito muito na espiritualidade, acredito que espíritos afins se encontram.
- Não tenho dúvidas. Não estamos juntos à toa...
- Mas aqui...acho que já estamos há um bom tempo juntos. Já não estaria na hora de confiarmos mais um no outro?
- Uai, mas eu confio em você.
- Na primeira vez em que nos encontramos, combinados de não falar de nossas vidas pessoais, de nossos trabalhos...
- Pois é. O que importa é que estamos bem, que estamos aqui juntinhos...
- Mas sabe o que é, amor? Não acha que está na hora de dividirmos mais as nossas vidas um com o outro? Sei lá...eu queria cuidar de você...
- Ah não. Acho que você poderia estranhar um pouco o meu trabalho?
- Mas por que? Você é um cara bem sucedido, tem um bom carro, se veste bem, tem bom gosto...
- Pois é...mas a minha profissão não é muito bem aceita...
- Já sei...você é coveiro? Não! Já sei...é político? Ah, amor...pode falar. Juro que nada me fará mudar a impressão que tenho de você.
- Não sei não...
- Vai...pode falar...é agiota? Banqueiro?
- Não...eu sou é ladrão...
- Mas como é que é?
- É isso mesmo que você ouviu. Eu sou um ladrão. Realizo golpes, tipo um por ano e vivo assim há uns 15 anos e tenho tudo de primeira.
- Mas não é possível. E não tem medo de prejudicar as pessoas?
- Não. Eu sou um espécie de Robin Hood. Só roubo de pessoas ricas que tem muito sobrando. E não prejudico ninguém, nunca dei um tiro, sou um ladrão ético, sabe?
- Mas como assim? Ladrão sem revólver, sem nada?
- Minha arma é meu notebook. Com ele acesso contas, desvio dinheiro para contas falsas, saco e depois saio de cena. Eu até comecei fazendo alguns furtos planejados, mas dá muito trabalho. E sempre destino parte do lucro para alguma causa social.
- Que nobre isso...
- Mas me conte uma coisa. E você? Como ganha a vida?
- Pois é. Eu também tenho uma profissão que, digamos assim, não é considerada politicamente correta. Mas que eu faço com muito prazer...
- É mesmo? Mas como é que sustenta esses vestidos caros, esse celular de última geração...você é milionária? É empresária do ramo da moda? Fabricante de cosméticos?
- Que nada. Sou uma cortesã.
- Explique isso melhor...
- Sou uma profissional que domina inglês, francês e italiano. Atendo empresários e diplomatas que vem ao Brasil e as vezes até magnatas do petróleo.
- Peraí...deixa eu ver se estou entendendo...mas você é uma puta.
- Olha...dobre a língua pra falar do meu trabalho. Faço com muita dignidade e profissionalismo. Só tenho clientes satisfeitos.
- Mas e seus pais? Sabem do que vive?
- Ah...eu falei pra eles que dou consultoria para empresários e no fundo é isso que faço mesmo. Esses pobres homens endieirados tem vidas infelizes e monótonas e dou a eles a possibilidade de viver outros papéis, sair da rotina.
- Não sei qual de nós é mais ordinário.
- Que isso, amor. No fundo somos do bem. Mas aqui...tive uma ideia. Podemos formar uma boa dupla; Eu te dou a ficha desses ricaços, você limpa eles...e me dá um percentual. Que tal?
- Uai...podemos pensar. Garçon...me traz a conta por favor...
- Amor...tem uma mulher ali que não para de olhar pra você. É sua ex?
- Não é não. Nunca vi na vida.
- Vou mandar um bilhete pra ela...peraí...
- Deixa eu ler..."respeite um homem de família crente e cumpridor dos seus deveres" senão vou aí e te dou uma porrada no meio da cara.
- Aqui...pedi a conta que acabou de chegar...deixa eu ver o valor...o que ????????
- O que foi, amor? Você engasgou?
- Veja só...estão cobrando 5000 reais por um wisck e uma garrafa de vinho...Esses caras estão nos roubando.
- Calma, amor. Eu pedi o melhor vinho da adega deles. Deve ser isso.
- Então é você é que está me roubando.
- Peraí, o ladrão aqui é você...
- E você é uma puta.
- Aí você já está me ofendendo...esse tom de desprezo dói, viu?
- Você também me chamou de ladrão como se fosse algo detestável. Tem muitos ladrões bem sucedido por aí viu, que são respeitados na sociedade, sócios do clube de golfe e tudo. Tem ladrões nos carteados. Tem pra todo lado.
- Pois é. E tem muitas meninas vivendo bem vendendo o que tem de melhor mesmo. Se a menina for bonita, vai levar cantada mesmo. Se ela tiver disposição e gostar de sexo, levanta um bom dinheiro. Se a menina quiser parar, se tiver juízo, será com um dinheiro pra montar alguma coisa depois...  
- Tá vendo amor? A gente briga mas chegamos as mesmas conclusões. O importante é que fazemos o que gostamos, somos profissionais  e  ainda somos respeitados e requisitados na sociedade.
- Bom, vamos pagar a conta pois amanhã terei compromisso pela manhã. Estou pesquisando um novo milionário pra desviar alguns dígitos da fortuna dele. Ele não vai nem sentir...
- E a tarde? Vamos nos encontrar? Vamos ao cinema?
- Também não posso. Terei reunião numa agência,  pra aprovar algumas peças de uma campanha. Que tal à noite?
- À noite eu não posso. Eu tenho um cliente.
- GRRRRRRRRRRR
- O que foi?
- Nada!

sábado, 1 de dezembro de 2012

FIM DO MUNDO CANCELADO PELA NASA...

Atenção! A NASA organizou conferência na internet para desmentir o Fim do Mundo anunciado para 21 de dezembro de 2012. Segundo os cientistas Nasarenos, não tem nada desse negócio de alinhamento de astros, de planeta ou meteoro que vai colidir com a terra, tempestade solar e outros cataclísmas. No entender dos cientistas, fica o fim do mundo adiado até segunda ordem. De olho nos investimentos a médio prazo, já tem alguns marketeiros anunciando que o fim do mundo será mesmo em 2014. Caramba, na minha breve vida, várias vezes experimentei prenúncios de fim de mundo. Uma vez disseram que aconteceria de madrugada. Eu era pequeno. Fiquei acordado pra ver o fim do mundo e ele não veio. O ser humano tem esse medo dos cataclismas, que realmente já aconteceram no planeta em épocas remotas. E tem sim a capacidade para interver no planeta!Imaginem se detonarem bombas nucleares na Groelândia? Aquele continente de gelo indo pelos ares iria fazer um estrago que não dá nem pra prever. A gente faz piada, mas o dia 21 será tenso...

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

MORRER PRA LÁ..


MORRER PRA LÁ...

Nos últimos dias venho recebendo e-mails terríveis sobre os malefícios causados pela coca-cola. A conversa está nas ruas. Vi diversas pessoas nas rodinhas falando que a bebida era terrível, que destruía os ossos, que era veneno puro. E pra completar, pintou essa semana um vídeo aterrorizante na internet, em que um famoso palestrante fala sobre os malefícios, os horrores dos refrigerantes. Mas não pensem que detonou apenas os refrigerantes. No ver do palestrante, não adianta comprar água mineral. A água de torneira é melhor que a maioria das águas minerais, por causa da retirada de substancias minerais e orgânicas que são condutoras de eletricidade, que não existem nas águas minerais disponíveis no mercado.. O importante é tal do PH. Ele diz na palestra, que tem de medir o PH da água. Pra isso, importou dos Estados Unidos um aparelho moderníssimo que mede o tal do PH. Depois de medi-lo, aí sim, a gente pode tomar a água sem susto. Caramba, que saudade me deu da água de biquinha lá de Alvinópolis. O vídeo do tal palestrante é interessante, bem embasado e tal. Mas deixa eu introduzir um insert .Lembrei-me de alguns dias que passei trabalhando junto a um profissional que tinha 76 anos de idade e ainda estava na ativa, escrevendo como ninguém. Perguntei a ele qual era o segredo da sua longevidade. Ele me contou que era adepto da macrobiótica. Só comia grãos há pelo menos 15 anos. Tá certo. Se ele suporta viver assim, bom pra ele. Ainda sobre o assunto, lembrei-me também que há alguns anos atrás, divulgaram que o café fazia um mal tremendo. Disseram que provocava úlcera, que atacava os nervos e  diminuía o apetite...inclusive o sexual. Lembrei-me também que a carne de porco foi vilã por um tempo. Disseram que provocava solitária, que atacava o coração, que tinha substancias altamente  tóxicas. Já falaram também da carne do boi, que tem alta carga de adrenalina, pois o boi passa para a carne, toda a dor da hora da morte. Já disseram que sexo demais faz mal, pois vicia, expõe a doenças e se transforma em tédio, por causa da repetição. O povo das dietas demoniza as frituras, as massas, as gorduras. Como dizia Roberto Carlos, parece que tudo que a gente faz é ilegal, imoral, engorda e nos envenena. Mas quer saber? Também tem Lobão pra nos salvar. Você quer viver 1000 anos a 10 ou Dez anos a mil? Não aproveitar o melhor da vida também é um crime contra nós mesmos. Equilibrar é importante para vivermos bem com o que somos. Até água em excesso mata por afogamento. Mas nos privar de alguns prazeres é a morte em vida. Eu entendo os médicos e cientistas. Eles estão cumprindo seus papeis e avisando sobre os perigos de certas substâncias. Mas garanto que também fazem suas concessões, também comem uma pizzazinha engordurada de vez em quando, gostam de uma cerveja com tira-gosto frito, de uma cachacinha, de um cigarro, de alguma coisa que foge do recomendável. Exagerar não pode, né doutor? Mas morrer nós vamos mesmo. Então que seja com prazer. Então deixa eu tomar minha coca-cola com limão e gelo em paz. 

EIS O EGO


BIRUTISMO !!!


quinta-feira, 29 de novembro de 2012

NÃO EXISTE MAIS CENTRO

Tudo perto 
e longe. 
O universo 
ficou pequeno 
e infinito. 
Melhor 
furar a bolha, 
quebrar a casca, 
voar sem lastro. 
O futuro 
fica obsoleto 
a cada segundo. 
Os segundos 
se dilatam. 
Não sou elefante 
preso a corda 
amarrada 
a uma árvore. 
Sou tão difuso 
que nem me sei
...

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

TERROR NA 381, O FILME

BR 381, O FILME!!! É obvio que terá de ser um filme de terror. Não precisa nem de roteiro. É só deixar os câmeras de sobreaviso, filmar e botar no ar. Vai fazer mais sucesso que o Tubarão, Massacre da Serra Elétrica e outros filmes de esguichos de sangue. Alguns personagens: motoristas suicidas, caminhoneiros assassinos, políticos pilatos, fiscalização ineficiente, engenheiros incompetentes, empreiteiras inescrupulosas e as vítimas inocentes.

terça-feira, 27 de novembro de 2012

VASTO MUNDO

O bom de viver é isso:
há sempre mundos novos a conquistar. 
Vamos experimentando novas configurações. 
Há vida além do público.
Há públicos além da massa. 
Há pessoas com outras demandas 
que não as das massas. 
Não é só marketing, 
mas antropologia, 
psicologia, 
tudo ao mesmo tempo. 
Tem toda a merda do capitalismo, 
mas tem as oportunidades. 
Mudou a configuração dos lugares. 
Antes, nos fixávamos à terra 
e dela tirávamos tudo de que precisávamos. 
Hoje, tentamos nos situar numa dimensão nova,
movediça,
onde tudo é perto e longe. 
Onde tudo está a um click. 
Toda a cultura planetária
já deve estar catalogada no wikkipedia. 
Todas as perguntas já são respondidas no google. 
Não tem nada de mal nisso. 
Muito pelo contrário. 
É  um mundo novo maravilhoso. 
Que cada um encontre um jeito
de ganhar dinheiro e se sustentar, 
O chão está mudando 
Tudo está mudando
As concepções de emprego, 
de trabalho, 
de negócios
mudam a cada segundo
e podem ficar obsoletos rapidamente,
até se extinguirem.
Eu não vou mais pro escritório.
Eu sou o escritório. 
Mercados lucrativos se esvaíram.
Outros nasceram quase do nada.
Deus já não mete medo.
O que dá medo é não poder
acessar o facebook
ou a caixa de emails.

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

OS ANZÓIS E O PEIXE SATISFEITO...

O peixe vai nadando num rio cheio de iscas. Ele já tá com a barriga cheia e ignora os malabarismos das minhocas. Além do mundo das iscas,. velhas cobras saem das tocas. Algumas transformações ocorrem sobre os olhares atônitos dos inocentes.Alguns soldados debandam salientes para as fileiras inimigas, sem remorsos, sem culpa.Alguns são tão oferecidos, que nem se dão conta de que tem gente atenta a suas manobras evasivas. Em sua virafolhice descarada, jamais serão de confiança em lugar algum. Mas em volta do poder, sempre tem um cordão e eles se alistam. O poder gosta dos cordões e costuma os acolher. Não muito longe, velhas múmias sacodem a poeira dos sarcófagos. É a volta dos mortos-vivos, que hibernaram por uma pequena eternidade. Está aberta a porta do inferno. Já dá pra avistar algumas bruxas dando risadas e rasantes. Vez por outra, uma faz uma pose defronte a lua. Algumas ratazanas gordas dançam em volta do panelão. Vão sobrar as migalhas e os ossos. O coronel mandou polir as botas e o velho chicote. Os capatazes jogam sinuca e tomam suas cervejas quentes, enquanto esperam a hora de invadir a cozinha do rei. Os gatunos já planejam os próximos golpes. O príncipe tenta decorar Maquiavel, mas vai obedecer as ordens que vem de cima. E o povo, como sempre dormindo, sitiado pelo campo de força da mídia. Seguindo essa lógica, tudo será ótimo, mesmo que for ruim...

EFEITOS COLATERAIS DA BELEZA

Outro dia, estava num bar tomando um refrigerante (não sou muito de cerveja. Meu metabolismo não ajeita com a substância mais desejada e consumida nesse país) Estava lá bebendo a minha coca com limão e gelo e ouvindo a conversa quando um dos fanfarrões do grupo falou: - olha, eu não casei com mulher bonita não. Mulher bonita boa é a do outro. Dá muito trabalho cuidar de uma mulher bonita, Deus me livre! Os outros concordaram. Trem danado a beleza né? Sai dali e passei por uma praça. As flores das árvores caíram e compuseram um lindo tapete. Quer dizer, até que comece a chuva. Quando isso acontecer as flores apodrecerão e virarão uma pasta preta escorregadia. Mas continuando minha caminhada, cheguei a área do prédio onde moro e dei de cara com a cachorrinha de uma menininha que mora no condomínio. A dona vinha atrás. Era bonitinha a danada da cachorra. Ela chegava, fazia carinho na gente e nos ganhava. Apaixonante o gestual da cadelinha, as poses que fazia me lembrava Madonna - Vogue ! Mas logo atrás da menina vinha a mãe com cara de brava: essa pestinha fez xixi no tapete de novo. A beleza tem seus efeitos colaterais.

sábado, 24 de novembro de 2012

BR 381 - ENTREVISTA EXCLUSIVA COM JOSÉ MARIA REPOLÊS - PRESIDENTE DA AMEPI

José Maria Repolês é um dos líderes regionais que mais tem levantado a bandeira da Duplicação da BR 381. Nos últimos dias, ele esteve reunido com o Governador Antonio Anastasia buscando informações fidedignas para compartilhar com o povo do médio piracicaba,  já que o governo federal vem protelando seguidamente a licitação e o inicio das obras. José Maria voltou otimista do encontro, desta vez mais seguro com relação ao inicio das obras em março. Com sua franqueza habitual, concedeu a entrevista que segue e ainda nos enviou fotografias do encontro com o governador. Seguiram também ilustrações sobre rotas alternativas que poderão ser utilizadas na época da duplicação. As ilustrações são da revista especial editada pelo Clésio Gonçalves. Então vamos à entrevista.

MARCOS MARTINO: Você esteve com o governador Antônio Anastasia. Ele se mostrou otimista quando as obras da Duplicação da Br 381?

JOSÉ MARIA REPOLÊS: Na verdade, nem otimista mas também nem descrente. Ele crê, sim, que a duplicação sairá e determinou que o DER/MG mantenha sempre um estreito contato com o Dnit sobre esse assunto.


MARCOS MARTINO: Você acha que desta vez começa mesmo? Já houve vários anúncios de datas de licitação e inicio das obras e tudo foi adiado...

JOSÉ MARIA REPOLÊS: Eu particularmente acredito que não há como o governo federal recuar, depois de tantas idas e vindas. Pode ser que não seja com a força que gostaríamos, mas que vai iniciar no princípio de 2013, acredito sim. 

MARCOS MARTINO: Algumas notícias foram veiculadas, até em rádios de BH, de que a bancada dos deputados federais mineiros, havia avisado ao governador Anastasia, de que o governo federal iria empurrar com a barriga e que as obras só começariam mesmo em 2014. Essas notícias são boatos ou acha que o governo pode mesmo adiar de novo?

JOSÊ MARIA REPOLÊS: Sempre há conversas “atravessadas” mas, como disse acima, continuo acreditando que a presidente Dilma manterá sua palavra.
  
MARCOS MARTINO: No caso da duplicação realmente começar, como o governo pretende agir, com relação a rotas alternativas para que as pessoas possam da região ir e vir para Belo Horizonte?

JOSÉ MARIA REPOLÊS: Marcos, o governador me disse que essa é uma grande preocupação sua e, por isso mesmo, ele colocou o DER/MG para tratar desse assunto diretamente com o Dnit. O governador frisou bem o transtorno que essa obra trará, pois serão no mínimo uns 3 anos de execução e todos terão que ter paciência pois as rotas alternativas serão melhoradas, algumas até asfaltadas, mas pelo enorme fluxo de veículos pesados que precisam transitar nesses trajetos, todos sabemos que as viagens serão mais cansativas e dispendiosas.

Barão a Caeté-asfaltada
ITABIRA A Bom Jesus asfaltado.....ate Nova Uniao...... .estrada de terra
Caete a Barao Cocais.é intençao 

MARCOS MARTINO: As obras da duplicação vão demorar 3 anos ainda. Enquanto isso, existe algum plano por parte dos governos estadual e federal, para diminuir os acidentes?

JOSÉ MARIA REPOLÊS: Acredito que isso está na pauta de todas as negociações, pois é justamente o alto índice de acidentes que nos moveu a todos para que esse projeto de duplicação saísse do papel.

MARCOS MARTINO: O seu mandato com o prefeito de Dom Silvério está terminando e na AMEPI também. Como cidadão, você pretende continuar lutando pela vida, cobrando as melhorias na BR 381?

JOSÊ MARIA REPOLÊS: Claro que sim, com cargo ou sem cargo político, toda pessoa tem o direito e o dever de exercer sua cidadania. Afinal, a política está inserida em todas as atitudes que tomamos no decorrer de nossas vidas. Um grande abraço,





sexta-feira, 23 de novembro de 2012



Você vai ler a partir de agora, a entrevista concedida pelo sr Romão Levve, presidente e advogado do SINDILADRA concedido ao nosso repórter, Explêndido Garcia.

Explêndido Garcia – Sr Romão, vem causando grande polêmica as suas ações em favor dos ladrões do brasil. Conte-nos um pouco da sua história.

ROMÃO LEVVE – É importante que saibam que sou presidente do SINDILADRA muito orgulho. Na verdade estamos reivindicando os direitos dos trabalhadores da gatunagem, que também tem de ter suas garantias para exercer seu trabalho com o máximo de segurança.

Explêndido Garcia - Mas quais são as suas principais pautas de reivindicação?

Romão Levve - Em primeiro lugar o reconhecimento da profissão de ladrão. É claro que vai ter de ter uma hierarquia. Como acontece na escola, vai ter o jardim de infância, quando os pequeninos serão  ensinados a roubar doces de crianças. Depois haverá o primário, quando os nossos gurís aprenderão a ser trombadinhas. Depois vai ter o vestibular num arrastão. Depois o cara já parte para assaltos a banco, depois pra chegar a deputado e seguir carreira é um pulo.

EG -Mas me diga uma coisa. Quais são as principais reclamações da categoria?

RL -Olha. O pessoal que assalta residência por exemplo, está reclamando da falta de segurança para roubarem. Tem pessoas que tem cães pitbull em casa e isso é crime. As pessoas precisam pensar que os ladrões são pais de família. Pra facilitar o trabalho de nossos lalaus, podem deixar algumas janelas abertas, portões sem cadeado.

EG -Mas o que acontece quando um ladrão sofre um acidente?

ROMÃO LEVVE -Ora. Se me procurar, vou averiguar a causa. Se um cliente meu for agredido por qualquer um que seja, vou trabalhar para defende-lo. Se um ladrão for agredido fisicamente, seja com objetos cortantes, seja com armas de fogo, iremos até às ultimas consequências para fazer valer a justiça. Onde já se viu atacar um cidadão que está ali fazendo seu trabalho honesto?

EG -E quanto aos ladrões que assaltam nas ruas?

RL -Esses aí também sobrem com as bolsadas das malvadas senhoras. Você acredita que outro dia tivemos de custear uma plástica no rosto de um cliente nosso, que foi retalhado por uma senhora com sua sombrinha assassina?

EG – E os ladrões de colarinho branco? Como vem fazendo?

ROMÃO LEVVE – Pois é. Tem uns preconceituosos como esse Joaquim Barbosa que tem o maior preconceito contra o trabalho dos ladrões do congresso. 

EG - Mas vocês fundaram o Sindicato dos Ladrões. Vem atraindo muitos interessados?

RL - Olha só que interessante. Realmente nossos telefones não param de tocar, com muitos segmentos interessados. Esses clientes vem principalmente da classe política. Tem também um contingente enorme de juízes de futebol, além dos ladrões pés de chinelo, quer dizer, clientes muito diversificados.

EG -Mas você não acha que os ladrões atrapalham a sociedade?

RL -Muito pelo contrário. Eles tem um papel social enorme. Muitas vezes ajudam as pessoas a se desfazer dos seus entulhos, a pensar no tanto de coisas desnecessárias que nós consumistas capitalistas vamos acumulando durante nossas vidas.

Explêndido Garcia -Mas não acha que a sociedade odeia os ladrões?

Romão Levve – Muito pelo contrário. O Robin Wood é um herói.  O povo preferiu Barrabás, que era ladrão, ao próprio Cristo. Os irmãos metralhas são até simpáticos. Nas ultimas eleições deu pra ver isso com clareza. O povo não puniu os políticos envolvidos com corrupção. Tem até aquele ditado: Rouba, mas faz.

EG -- Tá certo, Sr Romão Levve.  Muito obrigado pela entrevista, viu?

Romão Levve - Por nada. Estarei sempre as ordens para defender a ladroagem, que é uma marca nacional

EG- ...Ô seu Romão Levve.

Romão Levve - Pois não...

EG - O Sr não está pensando em roubar meu microfone, né?

Romão Levve- Ó ... desculpe...é a força do hábito...